20 outubro 2014

Inscritos nos torneios do Turfemania



 Torneio Tradicional da GV
Torneio 21 de CJ/GV
1- Cleo Nahon - CN 10 ok 1- Carlos Marques
2- Vitor Nascimento ok 2- Sergio Cherman
3- Cláudio Dargevitch ok 3-  Almirante
4- Almirante TP - Hiper Point 4- Cláudio Dargevitch
5- Carlos Marques- ok 5- Cleo Nahon
6- Miguel Paolino - Mister Xícara ok 6- Mario Alves
7- Waldir Alves - okk 7- Beto Romano
8- Mario Palhares - ok 8-
9- Vinicius Coelho ok 9-
10- Zurik de Souza - ok 10-
11- José Romeu Jr. - ok 11-
12-Fábio Leon - ok 12- 
13- Aécio Cunha - 13-
14- Leo Gomes 14-
15-Paulo Aguilar - De Longe 15-
16-  16-
17-  17-
18-  18-
19-  19-
20- 20-
21- 21- 
22- 22-
23-  23- 
24-  24- 
25-  25- 
26- 26- 
27-  27- 
28-  28- 
29-  29- 
30-  30- 
31-  31- 
32-  32- 

33- 

34-

35-

36- 

37-











14 outubro 2014

Últimas Portenhas

Stud Figuron & VarandaPor El Aragones

Imagino que aqueles que assistem ao Derby de Epson ou ao Prix de Longchamps saibam o que ainda significa a corrida de cavalo por aqueles lados, embora nada sera como antes, como diz a canção. O que me espanta, porem, e que um pais em recessão, como a Argentina, com uma inflação da ordem de quarenta e cinco por cento anual, desemprego em alta, etc. etc. possa apresentar dois espetáculos como o que assistimos sábado em San Isidro e ontem em Palermo. No sábado uma multidão compareceu ao hipódromo, ate porque havia uma exposição de carros antigos, uma competição entre uma Bugatti e um PSi, que foi vencida pelo carro nos metros finais, e mais uma enorme quantidade de apresentações para o publico. Ontem, feriado em Buenos Aires,inúmeros  turfistas se dirigiram ao hipódromo e o que se viu foi algo bastante diferente dos melancólicos espetáculos apresentados pelo JCSP,que atraem menos publico do que um jogo da lusa. Como diz meu amigo Laércio Sábato, os hipódromos podem não oferecer rentabilidade , mas um grande espetáculo ainda emociona, principalmente longe dos baba ovo de plantão que estão sempre a predizer que um dia tudo vai melhorar, se não acabar primeiro, e claro.

13 outubro 2014

Resultado do Torneio Misto 21

Stud Figuron & VarandaO vencedor foi Mario Alves (acertou várias pules interessantes), seguido de Carlos Marques, que nestes torneios rápidos, sempre chega entre os primeiros. Parabéns aos dois competidores.

Na próxima sexta-feira começa o Torneio Tradicional da Gávea Teremos como novidade, uma alteração no regulamento. Em caso de forfaits (que não sejam de programa), os participantes ficaram concorrerão com o favorito da prova. Portanto, não será preciso indicar mais a segunda força para substituir possíveis deserções.

As inscrições tem valor de 250,00 e podem ser feitas até quinta-feira.

Gran Premio Seleccion

Por El Aragones

 * O Prêmio Clasico Eduardo Casey, G 2, em 2.200m e que acaba de ser corrido em Palermo, foi vencido, como se esperava, por El Moises com Edwin Talaverano up. O vencedor é um Manipulator em Eleodora, por Mutakddim, de propriedade da Caballeriza S. de B. O tempo para a distância foi de 2.15.67. Em segundo chegou Chicanador Vision com Francisco Leandro.

* Para delírio do público Ricardinho e Rubio B venceram o páreo 4 em Palermo, com Bamboocha, uma Lizard Island em Bamboleada.

* Acaba de ser corrido o páreo 3 em Palermo, e advinhem quem venceu? Life and Glory, novamente com o grande Nico up. Pule de 3,50 para seus incontáveis fãs.

* Acaba de ser corrido o páreo 2 em Palermo com vitória brasileira de Sharper do Haras La Providencia, com o grande Nico up.
* Diretamente de Buenos Aires para o Blog do Aron. Neste feriado portenho de segunda-feira, duas provas se destacam na programação de Palermo: o Clasico Eduardo Casey, G 2, em 2.200m, e o Gran Premio Seleccion, G 1, em 2.000 m. No primeiro o destaque vai para El Moises, ganhador da Polla de Protillos. O filho de Manipulator, com Edwin Talaverano up terá em Ecole Privee, Rosado Van e Good Heaven seus principais adversários. UuNo segundo as forças são Quita Nistel, com Talaverano up, Safari Miss, do Araras, com Pablo Falero e Kalithea, com o insuperável Altair Domingos. A ganhadora do Seleccion levará para casa 600 mil pesos.

Tributo a Altair Domingos

Stud Figuron & VarandaPor El Aragones

Que me perdoem os que não concordam, mas Altair Domingos esta muito acima da maioria dos ginetes atualmente e não me refiro somente aos joqueis brasileiros, mas podem incluir nessa lista gênios como Falero e Ricardinho. O que vi neste fim de semana portenho foi de encher as medidas, nem precisando dizer que o fecho foi com a vitoria no GP Seleccion, com a potranca do Santa Ines, Kalithea, uma conducao tranquila, sabendo o que tinha nas maos e singelamente levando-a á vitoria. Assim a vencedora Kalithea e uma Exchange Rate em Katherine's Halo, de criação e propriedade do haras Santa Ines.O tempo para os 2.000 ms, areia normal, foi de 2.01.94 e em segundo chegou Jazz Catch.
No Eduardo Casey, como era esperado, a vitoria foi de El Moises, com Edwin Talaverano, que derrotou a Chicañador Vision, com Francisco Leandro. El Moises e um Manipulator em Eleodora, por Mutakddim, de propriedade da caballeriza S. de B.

12 outubro 2014

Paint Naif

Stud Figuron & VarandaAo pé da letra,  Paint Naif significa Pintura Ingênua. Alguns críticos afirmam que, contrastando com os “acadêmicos”, que pintam com o cérebro, os “ingênuos” pintam só com a alma. Esta parece ser a verdadeira essência do Naïf, claramente o estilo de quem "já nasce com o dom de ser artista"…

Começo pedindo desculpas ao potro, pois custei a perceber o "dom do artista". Justifico meu ranço: ao estrear, fez um pálido terceiro, a mais de seis corpos do ganhador e ali naquela carreira ficava impossível de ver seu "fino traço". Logo a seguir, e aqui veio todo o meu preconceito posterior, ele venceu o primeiro clássico da geração, em 1200 metros na areia. O tempo assinalado foi o pior  que já vi para uma prova clássica: 76.2. Pensei, "este potro virá jogado nas provas de grupo da geração e não vai chegar" e, de fato, nas duas próximas corridas ele não mostrou grande coisa, mesmo se ressaltando que em ambas quase caiu devido a prejuízos e em nenhuma das retas seus pilotos puderam lhe exigir a fundo.

A partir de sua quinta atuação houve uma total transformação. Começou a produzir um quadro mais bonito que o outro. Da primeira vez, duvidei da autenticidade do pintor, da segunda, confuso, chamei todos os mestres para me dizer o que estava acontecendo e pedi perdão. Depois da terceira obra prima, rendi homenagens e hoje na quarta, só posso afirmar estar na frente de um gênio dos pincéis.

Comparações à parte, Paint Naif tem uma atropelada que não acaba nunca. Começa ao entrar no linheiro e vai até o disco. Hoje, dos seiscentos aos trezentos e cinquenta, pulverizou dez corpos que os ponteiros, longe de serem frouxos, levavam de vantagem. Mais: mesmo diante de esforço tão brutal, saiu tirando, mostrando ser potro para ganhar um Carlos Pellegrini tranquilamente, basta inscrever.

Não gosto de dar ficha, mas este merece. Paint Naif é um macho castanho, criado por Luis Antonio Ribeiro Pinto, seu proprietário também (Stud São Francisco da Serra). Filho de Crimson Tide na Painter's Dream. Será que sua mãe sonhava em ter um pintor tão bom?

De quebra , bateu o record dos dois quilômetros, assinalando 1min57s84 para a distância. Olha essa inveja Van Gogh!

11 outubro 2014

Meeting de San Isidro

Stud Figuron & VarandaPor El Aragones

* Depois das habituais fanfarras, finalmente foi corrido o GP Jockey Club, em 2.000 ms, e a vitória foi do 3 anos Blues Traveler com Juan Noriega. O vencedor é um Equal Stripes em Barby Parade, por Parade Marshal, de criação do Haras Abolengo e propriedade da Caballeriza Alegria. O tempo para a distância foi de 2.02.37.
 
* Para quem como o titular deste blog não acredita em cálculo de percurso, aconselho ver a reta final do páreo 11 que acaba de ser corrido em San Isidro. Quando todos já aclamavam o animal Clooney como ganhador eis que se deu um milagre, já que impulsionado pelo inigualável Altair Domingos, o animal Golden Dragon livrou diferença mínima no último pulo.
* O GP San Isidro, em 1.600 ms. que acaba de ser corrido, foi vencido pelo 3 anos Il Fornaio, de propriedade da Caballeriza Pozo de Luna. Ele é um Orpen em Istishaary, por Haafhd. O tempo para a distância foi de 1.3579 e em segundo lugar chegou o incansável Todo Un Amiguito com Juan Villiagra.

* O 4 anos Lenovo, com Gustavo Calvente, acaba de vencer o GP Suipacha. O filho de Roman Ruler em La Piradita por Salt Lake é de propriedade da Caballeriza La Juventus. Em segundo lugar chegou Gracias Amiga com R. Cunz. O tempo para os mil ms, grama úmida, foi de 57.17.

*Até a sexta prova 2 vitórias de F. Leandro e 1 para Falero (Santa Maria de Araras). El Aragones 





Diretamente de Buenos Aires para o blog do Aron,
Com um dia de sol e uma temperatura que deve oscilar entre os dezesseis e vinte graus, acontecera em poucas horas o meeting de San Isidro, reunindo tres GP, a saber: O Jockey Clube, o Suipacha e o San Isidro. Np GP Jockey clube, em 2. 000 ms, o destaque, como ja haviamos anunciado, vai para Blues Traveler, da caballeriza Alegria, que sera conduzido por Juan Noriega. Seus principais inimigos devem ser Seattle States, com o brasileiro Francisco Leandro up, Interdetto, com Falero up e Seattle Mat, com Jorge Ruiz Diaz. O premio para o ganhador e de 400.000 pesoa e, apesar das chuvas em dias anteriores, acredito numa pista de grama acia. No Suipacha, que tem um premio de 150.000 pesos para o ganhador, em 1.000 ms, o destaque vai para Lenovo, um anos, invicto na areia e cuja unica derrota foi exatamente nagrama de San Isidro. O filho de Roman Ruler tera como principais adversarios a egua  City Glam, que sera dirigida pelo magnifico Altair Domingos, a egua Feel the Race, com Falero up e o americano Fancy Cruz, com Juan Villagra up. No San Isidro, em 1.600 ms, e 200.000pesos para o ganhador,teremos um duelo entre o  anos Don!t Worry, com Rodrigo Blanco up, o 5 anos Music Van, com jorge Ruiz Diaz e o 4 anos Stormy Sale, com Gustavo Calvente.
Agradeco o patrocinio do blog do Aron para que possamos, mais uma vez, presenciar este excelente meeting e informamos que a primeira prova acontece ás 12.45 be a decima setima ´´as 21.05.

09 outubro 2014

Teophilo de Vasconcellos e Luis Reis

Stud Figuron & VarandaPor El Aragones

Justíssima a  homenagem a Teophilo de Vasconcellos, locutor oficial do JCB na época de ouro e considerado, por muitos ( inclusive pelo inesquecível Ernani Pires Ferreira ), como o maior locutor de todos os tempos. Teóphilo tinha bordões estupendos, inclusive aquele que anunciava os comentários da carreira  feitos, em dado momento, pelo grande compositor, pianista e boêmio Luis Reis ( que naquele tempo tinha uma vasta cabeleira e, por isso, Teóphilo dizia "habla Cabellera " ). Luis Reis, infelizmente, não tem sido lembrado pelo JCB em suas homenagens póstumas mas foi uma daquelas pessoas que engrandeceram o nome do turfe em sua época. Excelente compositor, autor de canções inesquecíveis como " Palhaçada", "Nossos Momentos", "Canção da Manhã Feliz" ( gravação imortal de Nana Caymmi ), " Tudo é Magnífico" e muitas outras, inclusive compondo para carnavais (Bloco de Sujo ), Luis foi também um boêmio de primeira e um pianista muito bom ( tocou anos no bar do Real Astória, que ficava ao lado do restaurante do mesmo nome no Leblon no Rio de Janeiro ). Eu o conheci no final da década de 60 , início dos anos 70, na mesma ocasião em que conheci seu mais ilustre parceiro, Haroldo Barbosa ( o Pangaré ). Apesar da grande diferença de idade, sempre fomos amigos e lembro-me de uma ocasião em que , saído do bar da fossa no Leme, aonde cantava a rainha Valeska, em companhia de meu amigo de sempre, João Guedes, demos de cara com Luis que se fazia acompanhar do conjunto vocal "As Gatas", formado por 4 mulatas avantajadas e que recém haviam gravado uma de suas canções. Nos abraçamos e cada um seguiu seu caminho, quando então virei-me para o meu amigo e disse:" Que  legal, ele te reconheceu e ficou feliz em te ver ", ao que ele prontamente me respondeu: " Deve ter bebido um pouco, já que totalmente sóbrio não costuma me reconhecer" . Luis Reis era muito simples, um tipo bonachão, desses que não se fazem mais em lugar nenhum e me pergunto o que terá acontecido com a "Polaca", sua companheira por longos anos. Morto em 1980, Luis deu uma enorme contribuição para a música brasileira e seria muito bom que o JCB dele se lembrasse , da mesma forma que se lembra de outro grande cronista que foi Heitor de Lima e Silva, o popular "Bolonha". De Luis Reis, de Valeska e Josemir ( que espero estejam bem  ), de Lucio Alves,  e, sobretudo de Otávio de Morais, só tenho boas lembranças e muita saudade.

Portenhas

Stud Figuron & VarandaPor El Aragones

Com a venda de Galicado ( Manipulator em Galicada, por Halo Sunshine ), para os E. U. A. e as divergências entre os proprietários do potro El Moises ( Manipulator em Elodora, por Mutakddim ) com os dirigentes do hipódromo de San Isidro, o destaque do GP jockey club, a ser corrido no próximo sábado naquele hipódromo vai para Blues Traveler. Os donos de El Moises, a caballeriza S. de B., resolveram correr o GP Eduardo Casey, na próxima segunda feira em Palermo. Blues Traveler possui 4 vitórias em 5 corridas.
Real Time Web Analytics